Em 2023, Ucrânia triplicou produção de armas

A Ucrânia triplicou a sua produção de armas em 2023 e 500 empresas trabalham agora no setor de defesa do país. Kiev está à procura de formas de reforçar as suas defesas contra a invasão de Moscou, que fez dois anos recentemente e nomeadamente por meio do aumento da produção e inovação de armas nacionais.


De acordo com o ministro das Indústrias Estratégicas de Kiev, Oleksandr Kamyshin, 100 empresas estatais e 400 empresas privadas estavam envolvidas no esforço, e que a Ucrânia planeja “aumentar consideravelmente a produção de munições” neste ano.


Num discurso, o ministro digital da Ucrânia, Mykhailo Fedorov, disse que 90% dos drones usados no campo de batalha contra as forças russas foram produzidos na Ucrânia.


O ministro do Interior da Ucrânia, Ihor Klymenko, declarou durante uma conferência televisionada que nem uma única arma atravessou a fronteira da Ucrânia para a União Europeia durante os dois anos de invasão em grande escala da Rússia.

Com informações da agência Reuters

Foto: agência Reuters

artigos relacionados

categorias

conteúdo exclusivo

Redes